[Expandido em 02/07/2010.]

Tenho acompanhado relatórios de análise de mercado (panoramas, tendências) de pelo menos três segmentos em tecnologia da informação (TI):

  • Servidores de Aplicação;
  • Soluções de BI (Business Intelligence / inteligência de negócios), ferramentas analíticas de negócios e dados (business analytics) e DW (data warehouse / armazém de dados);
  • Soluções de gestão de conteúdo, ECM (Enterprise Content Management) / WCM (conteúdo Web).

Institutos e relatórios de análise de mercado

Os principais institutos que fazem análises de mercado de TI — hardware, software e serviços — são:

Existem diversos outros, como Aberdeen Group (ver Aberdeen Blog), Yankee Group (especializado em conectividade; ver Yankee Blog), Burton GroupIT1 (ver blogs sobre Plataformas de aplicação, Redes, Segurança, Conteúdo e outros), iSuppli, Standish Group (especializado em gestão de projetos de TI), Real Story Group (especializado em gestão de conteúdo; ver CMS Watch e RS Blog) etc.

Embora os relatórios de mercado de institutos de análise sejam vendidos e bem caros, alguns grandes fornecedores licenciam e franqueiam cópias gratuitas destes relatórios, quando estão bem posicionados:

Mercado de Análise de Dados, BI e DW

O mercado de manipulação e análise de grande volume de dados tem vários segmentos: armazém de dados (DW – data warehouse), inteligência de negócios (BI – business intelligence, que o Forrester prefere denominar BPS – business performance solutions), análise, análise preditiva, mineração de dados.

Os fornecedores gigantes “de sempre”, como Oracle, IBM e Microsoft, continuam sua estratégia agressiva de aquisições em busca da hegemonia e consolidação do mercado. Em alguns segmentos específicos, empresas como SAS Institute, SAP, Teradata e outras mantém sua forte presença especializada. Existem diversos relatórios de análise nesse mercado.

Fonte: Quadrante Mágico para Business Intelligence Platforms, 2010-01-29, por Rita L. Sallam, Bill Hostmann, James Richardson e Andreas Bitterer, Gartner. Reproduzido por Oracle (ver BI blog), por SAS, por Microstrategy, por QlikView.

Fonte: Quadrante Mágico para Data Warehouse Database Management Systems, 2010-01-28, por Donald Feinberg e Mark A. Beyer, Gartner. Reproduzido por Oracle, por Microsoft.

Fonte: The Forrester Wave™: Predictive Analytics And Data Mining Solutions, Q1 2010, 2010-02-04, por James Kobielus, Forrester. Reproduzido por SAS Institute, por Oracle.

Fonte: The Forrester Wave™: Business Performance Solutions, Q4 2009, 2009-11-19, por Paul D. Hamerman, Forrester. Reproduzido por Oracle (ver nota de imprensa).

Artigos relacionados deste blog sobre análise de dados (BI e DW):

Mercado de Servidores de Aplicação

Depois da aquisição da BEA pela Oracle e a adoção da renomada família de produtos WebLogic como motor em servidores de aplicação da empresa (em detrimento do inexpressivo Oracle Application Server), o mercado se consolidou de vez.

Oracle (WebLogic), IBM (WebSphere) e Microsoft (IIS + .NET Framework) reinam isolados na liderança dos produtos comerciais, seguidos pelo único competidor de peso oriundo do mundo software livre: Red Hat (JBoss). Exceto a Microsoft, os demais líderes se baseiam na plataforma tecnológica Java EE.

Fonte: Quadrante Mágico para Enterprise Application Servers, 2009-09-24, por Yefim V. Natis, Massimo Pezzini e Kimihiko Iijima, Gartner. Reproduzido por Microsoft, por Microsoft India (PDF) em Bitpipe, por Oracle (ver nota de imprensa), por RedHat (form), por Caucho (PDF).

Artigos relacionados deste blog sobre servidores de aplicações:

Mercado de Gestão de Conteúdo Corporativo (ECM) e Web (WCM)

O relatório do Gartner sobre o mercado de Gestão de Conteúdo Corporativo (Eenterprise Content Manamgement – ECM) e gestão arquivística (records management) deve ser atualizado no terceiro quadrimestre de 2010.

Já a CMS Watch, agora parte do Real Story Group, atualizou em junho seu interessante 2010 Content Technology Vendor Map (PDF 42k, JPG 868k), no estilo “mapa de metrô” onde as linhas representam segmentos de gestão de conteúdo — documentos/corporativo, Web, portais, colaboração, mídia digital etc.

CMS Watch - 2010 Content Vendor Map

Sobre o segmento específico de conteúdo Web (Web Content Management – WCM), em agosto de 2009 o Gartner lançou relatório atualizado em agosto de 2009. Ver Parsing Gartner’s 2009 Magic Quadrant for Web Content Management, por Irina Guseva, 2009-08-10, CMS Wire.

Fonte: Quadrante Mágico para Web Content Management, 2009-08-05, por Mick MacComascaigh, Toby Bell e Mark R. Gilbert, Gartner. Reproduzido por Microsoft, por Day (PDF), por Oracle.

Interessante comparar os líderes específicos em WCM com o mercado mais abrangente de ECM. Enquanto Oracle e Open Text mantêm liderança nos dois enfoques, os outros líderes de ECM — IBM, EMC e Microsoft — em WCM se tornam desafiantes por lhes faltar abrangência nesse foco específico. Já Autonomy e SDL surgem como líderes em WCM.

Já o relatório do Forrester no 2º trimestre de 2009, teve foco específico para sites externos. Pelos critérios do Forrester, SDL Tridion é o maior líder, seguido de FatWire e Interwoven (adquirida pela Autonomy em janeiro de 2009), enquanto Open Text, Vignette (ainda não contemplava a aquisição da Vignette pela Open Text ocorrida em maio daquele ano), Oracle, Day Software e Microsoft aparecem como desafiantes (sólido desempenho).

Fonte: The Forrester Wave™: Web Content Management For External Sites, 2009-06-01, por Stephen Powers e Tim Walters, Ph.D., para profissionais de gestão da informação e conhecimento, Forrester. Reproduzido por SDL Tridion (PDF, requer identificação; ver Analyst ReportsForrester on SDL, press release).

O relatório do Forrester traz as seguintes constatações:

  • SDL Tridion, Autonomy Interwoven, e FatWire lideram com um rico conjunto de componentes WCM.
  • Vignette e Day oferecem funcionalidade similar aos líderes, mas a estabilidade destes fornecedores ainda é uma questão.
  • Open Text e Oracle oferecem funcionalidade sólida em WCM dentro de um portfólio ECM.
  • Microsoft ainda não oferece funcionalidade WCM comparável aos líderes, mas evoluiu os recursos do SharePoint para Web sites.
  • O WCM básico da IBM se integra ao WebSphere Portal, enquanto EMC foca uma estratégia de conteúdo unificado e ECM.

O relatório do Forrester mostra ainda que uma pesquisa com 187 tomadores de decisão em TI elencou que as duas principais diretrizes para a adoção de gerenciamento de conteúdo Web são: melhorar a experiência de seus usuários Web (63%) e redução de custos com operação (publicação) Web (37%).

Artigos relacionados deste blog e de CMS Wire sobre gestão documental e de conteúdo: