De Sun Java Studio Creator a NetBeans Visual Web Pack

No artigo Using Sun Java Studio Creator 2 IDE or Visual Web Pack for NetBeans 5.5, por Winston Prakash e Beth Stearns (em inglês, dezembro 2006), os autores fazem um interessante histórico do ambiente de desenvolvimento visual para web da Sun, Java Studio Creator, e seu paralelo com as sucessivas versões do IDE NetBeans, software livre que é a base para as ferramentas de desenvolvimento Java da Sun.

NetBeans 5.5 Visual Web Pack Se você acompanha as novidades do NetBeans, já deve ter notado que a versão 5.5 oferece a extensão Visual Web Pack, e que esta se parece muito com o IDE Sun Java Studio Creator 2. De fato, o Visual Web Pack essencialmente é o Java Studio Creator 2 existente, construído sobre uma dissidência (fork) da plataforma NetBeans, apenas sem suporte a web services e desenvolvimento portal, ainda.

Percorrendo o histórico e a evolução do desenvolvimento dos IDE NetBeans e Sun Java Studio Creator, o artigo mostra que o Java Studio Creator 1 era uma bifurcação (com quebra de compatibilidade) do NetBeans 3.5.1, desenvolvida separadamente para adicionar e adaptar recursos funcionais e interativos. Partiu do IDE para desenvolvedores com conhecimentos avançados em Java — que era o NetBeans — para construir um IDE mais fácil e amigável, voltado para os desenvolvedores web iniciantes no mundo Java, especialmente desenvolvedores VB/ASP migrando para Java.

O novo IDE tinha aparência e comportamento familiares ao que os desenvolvedores VB/ASP encontravam no Microsoft Visual Studio, adicionando importantes recursos que não existiam no NetBeans 3.5.1: sistema de janelas acopláveis (dockable); paleta “arrastar-e-soltar” de componentes; painéis de navegação no projeto, de navegação no servidor e de estrutura do documento; ajuda dinâmica etc.

Aproveitando as evoluções do NetBeans 3.6 e 4.1, o Sun Java Studio Creator 2 partiu da base de código do NetBeans 4.1 e modificou menos de 5% para seu uso. Apesar das diferenças e incompatibilidades, o Java Studio Creator 2 era quase como o NetBeans 4.1 acrescido de módulos (plug-ins).

O IDE NetBeans 5.5 de hoje é muito mais versátil e fácil de usar que as versões anteriores, e inclusive tem recursos desejáveis que faltam ao Java Studio Creator 2, como suporte a Java SE 5 e 6. Então, perto de 90% dos recursos do Java Studio Creator 2 foi implementada/portada como o pacote adicional Visual Web Pack para o NetBeans 5.5, atualmente deixando de fora apenas o suporte a web services e ao desenvolvimento para portal. O time de engenheiros da Sun pretende resolver isto, de forma que os usuários do Java Studio Creator possam ter um caminho de migração 100% compatível para uma próxima versão (release) do Visual Web Pack.

Assim, é provável que no futuro não haja um Sun Java Studio Creator 3, mas sim uma incorporação total (merge) deste no Visual Web Pack do NetBeans IDE, tornando este uma ferramenta de desenvolvimento Java cada vez mais versátil, poderosa e abrangente.

Atualização: Realmente, o portal da informa que o próximo passo para o Java Studio Creator é o NetBeans 6.0, incorporando todos os recursos em um único IDE. Há inclusive artigo sobre o caminho de migração: Tips for Migrating Java Studio Creator 2 Update 1 Projects to NetBeans IDE 6.0 Preview (M9) (em inglês), Joe Silber, maio 2007.

Cada vez mais, o NetBeans se torna um ambiente de desenvolvimento IDE mais atrativo para o desenvolvedor Java iniciante, enquanto desenvolvedores mais avançados continuam preferindo se basear no poderoso software livre Eclipse ou nos ambientes comerciais, baseados neste último como IBM Rational Developer, Borland JBuilder, BEA Workshop e MyEclipse, ou independentes como IltelliJ IDEA e Oracle JDeveloper.

Para saber mais:

4 Replies to “De Sun Java Studio Creator a NetBeans Visual Web Pack”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *