Milhas aéreas encurtando

A empresa aérea United Airlines divulgou recentemente que, a partir de 31 de dezembro de 2007, seu programa de milhagem — United Mileage Plus — encurtará o prazo de expiração de milhas acumuladas, de 36 para 18 meses de inatividade.

Segundo a empresa, no FAQ da United Brasil, “essa mudança torna o programa Mileage Plus melhor para os clientes que são mais leais à United e também reduz custos operacionais”.

O tempo de vacas magras nos programas de milhagem tem atingido outras empresas aéreas. Em 31 de janeiro deste ano, a US Airways também encurtou o período máximo de inatividade de milhas para 18 meses. Diferente da United, porém, a US Airways permite a reativação de milhas expiradas, mediante pagamento (taxa de processamento de USD$50, mais um centavo de dólar por milha).

Segundo o FAQ da United Brasil, Delta Airlines também fez mudança similar em sua política de milhagem recentemente. Mas, até onde pude conferir, o Guia do Associado e Regras do Programa SkyMiles (PDF, em inglês) informa que para não expirar milhas na Delta, deve-se ter alguma atividade no prazo de dois anos.

No Brasil, a validade dos pontos do programa Fidelidade TAM é de dois anos. Diferente das empresas americanas, onde as milhas são creditadas numa “conta” e o que interessa para a validade das milhas é o tempo de inatividade da conta, no programa da TAM os pontos relativos a cada viagem/crédito tem sua validade individual de acordo com a data da realização/crédito, expirando automaticamente após o prazo.

Para saber mais:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *